quinta-feira, julho 13, 2006

Mosaico

Pedaços de luar
se estilhaçam na janela
ao transpassar o vidro,
que não se quebra com seu brilho.
A luz se reparte em setas
que correm soltas pela sala
buscando pedaços de sonhos,
para o mosaico da noite pintar.

Isiara Mieres Caruso

Um comentário:

Sharline disse...

Oi Isiara...
adorei seus poemas... são lindos, profundos e tocantes..

um grande beijo